Município de Aljezur

19ºC
13ºC
Data de Publicação: 22/02/2013 00:00:00
Moinho de Odeceixe

Os moinhos não são apenas um dos mais pitorescos adornos da paisagem. Eles representam a forma mais evoluída de um sistema primitivo de trituração dos grãos de cereal entre duas pedras, para fabrico de farinhas alimentares, cuja origem remonta aos tempos pré-históricos, em relação com as primeiras conquistas e aquisições do homem agricultor e, ao qual, mais tarde, se adaptou um engenho motor, que substituiu a força do braço pela acção das correntes da água ou do vento.

Os primeiros moinhos de vento surgiram provavelmente na Pérsia e o seu sistema foi aproveitado mais tarde pelos Árabes, chegando até à Europa. Em Portugal, apareceram por volta do séc. XIV, sendo possivelmente o país com maior número de moinhos de vento, encontrando-se em grande número no sul do país.

Utilizados para a moagem de vários cereais, como o trigo e o milho, os moinhos são um testemunho de uma actividade económica que durante longo tempo foi importante. A Industrialização levou a uma acelerada e constante mutação da vida rural, levando à adopção de outros meios técnicos para dar resposta às exigências da sociedade, não sendo de estranhar que esta os tenha relegado para segundo plano.

Fonte: DIAS (Jorge) & OLIVEIRA (Ernesto Veiga de) & GALHANO (Fernando).— SISTEMAS PRIMITIVOS DE MOAGEM EM PORTUGAL.  Moinhos, Azenhas e Atafonas. (Instituto de Alta Cultura Centro de Estudos de Etnologia Peninsular). Porto. 1959Consciente da importância que os moinhos de vento tiveram nesta região e como forma de contribuir para a salvaguarda do importante património cultural do concelho, o Município de Aljezur  restaurou o Moinho de Odeceixe. Aqui é possível observar-se todo o processo artesanal de moagem de cereais, onde o moleiro outrora vigiava a direcção do vento e dominava todas as tarefas implícitas na moagem. Geralmente localizados em locais amplos ou altaneiros, do local onde está implantado o Moinho de Odeceixe é possível desfrutarmos de uma magnífica panorâmica sobre o casario branco da vila, sobre a várzea e sobre a serpenteante ribeira de Seixe.Horário: de Junho a Setembro, das 10:00h às 16:30h (encerra aos Domingos, Segundas-feiras e feriados).

Entrada livre

Contactos: Tel. +351 282990010 (Câmara Municipal de Aljezur)

Aljezur pelos olhos de quem nos visita...

Use #aljezur nas suas fotografias para as ver no nosso feed!